14 de novembro de 2013

[Resenha] A Culpa é das Estrelas


Postado por Carol Guimarães





Sinopse: A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer – a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas. Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar. 


 “… Às vezes, um livro enche você de um estranho fervor religioso, e você se convence de que esse mundo despedaçado só vai se tornar inteiro de novo a menos que, até que, todos os seres humanos o leiam…”
A Culpa é das Estrelas



 “Enquanto ele lia, me apaixonei do mesmo jeito que alguém cai no sono: gradativamente e de repente, de uma hora para outra.” pag. 118

E é desse jeito que eu me apaixonei por esse livro, abruptamente,já nas primeiras páginas estava lá eu estilhaçando em mil pedacinhos o meu coração e me apaixonando por esse livro encantadoramente triste,duas palavras e vários sentimentos.Por que encantadoramente triste?Ora caros leitores,assim como você se apaixona rápido,você se entristece mais rápido ainda.

Como diz o nosso eterno Gus “a dor é para ser sentida” doeu e muito dizer adeus a personagens tão perfeitos. Foi algo tão difícil dividir o que é real do fictício, pois quando eu estava lendo era tudo muito verídico. A escrita do Green é tão perfeita que colaborou muito com a minha grande confusão de mistura de mundos.

Eu li quatro vezes esse livro para ver se conseguia fazer uma resenha à vocês,mas o que realmente aconteceu foi uma grande desordem em meus pensamentos.Chorei,sorri e senti raiva do Green,como que ele pode despertar uma paixão avassaladora em nós leitores e depois se despedir com um final absurdamente intrigante como aquele?

Minha vontade,caros leitores,era de pegar o telefone e falar um monte para o John Green,encher a paciência dele até que ele resolvesse mudar o trajeto da história,mas se tem algo que aprendi nesse livro foi que histórias tristes existem e a morte é algo inevitável.

Aprendi também que temos que nos aceitar como somos que apesar dos problemas podemos aprender a sorrir; sermos os heróis da nossa vida, conviver com o pouco, mas saber que esse pouco é algo raro, que é por isso que temos que valorizar esse pouco.

Augustus Waters quem aqui leitor não se apaixonou perdidamente por esse menino tão especial!A escrita do Green nos revela a alma dos garotos como ninguém.

E é por isso que eu me apaixonei, que acabei confundindo os mundos,porque esse autor consegue nos revelar algo extraordinário,consegue transmitir em palavras os sentimentos dos garotos,mostrando que eles são as criaturas mais ingênuas,honestas,sensíveis,mas ao mesmo tempo forte,que conseguem ficar em um campo de batalha até a última gota e que eles se vêem deslocados quando o assunto é o amor!

O romance entre Hazel e Gus é aquele que eu falo que é verdadeiro, delicado e ingênuo.Temos de um lado uma garota que  ainda sofre com o tratamento do câncer e apenas espera que a sua vida termine para que não tenha mais que  ver as pessoas que ela ama sofrendo.Já em um outro momento somos apresentados ao Gus que já completou o tratamento e mesmo tendo perdido uma perna por causa do câncer, é uma pessoa que não mede esforços para ajudar os amigos.A doença que aproxima os dois e é a mesma que acaba separando-os.

Delicadeza, carisma e perfeição são palavras que definem o que é A Culpa é das Estrelas, John Green com certeza deixou uma marca em meu coração.

Bem leitores, eu sei que a maioria leu esse livro, estou atrasadíssima em resenhar esse livro para vocês, mas eis aí.Não consegui chegar nem aos pés do que eu senti quando li esse livro,tentei mostrar para vocês o pouco,só lendo que você poderá saber realmente o que passei através dessas páginas de A Culpa é das Estrelas.

Beijos Pão de Queijo!

2 comentários:

  1. Eu li esse livro a uns meses atrás e me apaixonei. Sua resenha ficou muito bem escrita, caprichou nos detalhes.
    Parabéns!
    Beijos :)

    ResponderExcluir